Posts Recentes
Posts Em Destaque

Pagamento pelo WhatsApp: entenda como funciona o recurso:




Emojis, figurinhas, comentários e fotos sobre aquela festinha do último fim de semana. Pois é, o WhatsApp possui diversas funcionalidades. Mas isso não é nenhuma novidade para você, não é mesmo?

O que talvez você não saiba é que o aplicativo mais querido do Brasil ganhou um recurso extra: o pagamento pelo WhatsApp, oficialmente lançado no país em junho de 2020.

Mas antes mesmo dos usuários começarem a testar a nova função, o Banco Central anunciou a suspensão do WhatsApp Pay no Brasil alegando possíveis riscos, que sem uma análise prévia, poderiam causar danos irreparáveis à concorrência e à privacidade, segundo a instituição.

O recurso de pagamentos, associado ao Facebook Pay, já tinha começado a ser liberado para alguns clientes do Nubank, Sicredi e Banco do Brasil, que mal tiveram tempo de desfrutá-lo.

Porém se você tem empreendedorismo na veia, sabe que essa novidade representa novas possibilidades de negócios e o quanto antes você ficar sabendo como funciona é melhor, não é mesmo!?

Então continue a leitura e tome a dianteira para executar suas transações pelo app antes de todo mundo!



Como tudo começou?

A história começou assim: em uma versão beta do aplicativo para Android, identificou-se uma ferramenta chamada WhatsApp Payments. Assim, o site The Next Web, especialista em babados e novidades nas redes sociais publicou em seu site oficial.

Não se sabia muito a respeito, mas alguns hackers espertinhos descobriram que, basicamente, será aceita a transferência monetária entre usuários.

Esse recurso já presente no Facebook. Vale lembrar que ambos os apps fazem parte da rede do poderoso chefão das mídias sociais, Mark Zuckerberg.

O que é o WhatsApp Pagamentos?

O WhatsApp Pagamentos ou WhatsApp Pay é uma plataforma de pagamentos que permite aos usuários fazer transferência de dinheiro pelo aplicativo.

Com esse recurso, os usuários poderão receber e enviar dinheiro para amigos e familiares, além de efetuar pagamentos de produtos e serviços de empresas online.

As transações entre pessoas físicas só poderão ser feitas com cartões de débito, e de acordo com o WhatsApp, sem taxas (isso não isenta possíveis taxas de transferências entre bancos).

Já empresas que utilizam o WhatsApp Business terão uma taxa de processamento de 3,99% para receber pagamentos de clientes, já que aceitam também pagamentos por cartão de crédito.

Quais são as vantagens do pagamento via WhatsApp?

Em termos simples, essa nova funcionalidade permite que pessoas e negócios realizem transferências imediatas à distância de um clique.

A aguardada aprovação do Banco Central poderá ficar disponível assim que todas as funções forem analisadas e estiverem funcionando com segurança para os usuários.

Ou seja, não deve demorar. Por enquanto, apenas pequenas e médias empresas podem usufruir do recurso.

Na Índia, inclusive, há negociações com o governo para redução de taxas de pagamento por meio do UPI (Interface de Pagamento Único), o que tornaria o processo ainda mais benéfico.

Algumas vantagens que estarão disponíveis para utilização do WhatsApp Business são o selo de verificação de confiabilidade, ferramentas de automação de processos, classificação de mensagens, agendamento, análise de métricas, respostas automáticas e integração com chatbots.

Ainda não entendeu? Não se preocupe, falaremos mais sobre essas funcionalidades no tópico a seguir. Para o alto e avante!

Como enviar dinheiro pelo WhatsApp Pay?

Para transferir dinheiro pelo WhatsApp, o usuário precisa usar um cartão de débito ou cartão múltiplo, com função de débito e crédito, emitido por um dos bancos participantes (Nubank, Sicredi e Banco do Brasil).

Por enquanto, não é permitido o uso de cartão que tenha apenas a função crédito.

Para fazer esse cadastro, o usuário deve abrir alguma conversa no WhatsApp e clicar no ícone representado por um clipe de papel nos smartphones Android e pelo símbolo “+” nos smartphones iOS.

No menu seguinte aparecerá a opção “Pagamento”. Ali, o usuário deve colocar o valor que quer enviar.

Em seguida, se o usuário ainda não tiver configurado um cartão, aparecerá a opção de “Adicionar sua forma de pagamento”. Ali, o usuário precisa concordar com os termos de uso, e irá criar um PIN (senha) para o Facebook Pay. Depois, ele precisa colocar seus dados, como nome e CPF, e os dados do seu cartão, como o número e bandeira.

Fonte: Mlabs


Siga
Procurar por tags
Arquivo
  • Facebook Basic Square
  • Instagram Social Icon
  • LinkedIn Social Icon
  • Google+ Basic Square
  • Twitter Basic Square