5 dicas para quem quer começar a fazer compra de mídia


1. Comece investindo pouco


Mesmo que você se empolgue, não inicie uma estratégia de mídia paga com uma grande quantia de dinheiro.

Primeiro, é importante validar o canal, o formato do anúncio, a oferta e a Landing Page para depois aumentar o investimento conforme você tiver mais segurança.


2. Não esqueça dos pixels

Essa é uma dica válida mesmo que você ainda não tenha decidido investir em mídia paga. Se tiver um site, é interessante instalar pixels nele, principalmente os do Facebook e do Google.


Essa ferramenta permite saber quem visitou seu site e, quando você começar sua estratégia de mídia paga, já vai ter informações sobre o seu público.


Também é possível utilizar os dados desses visitantes para fazer uma campanha de retargeting, por exemplo.


3. Separe as campanhas por objetivo

Tendo um objetivo por campanha, você saberá dizer se o seu investimento está dando resultado ou não de forma mais clara.


Não se pode misturar uma campanha voltada para a geração de visitas com uma para geração de Leads, por exemplo.


É preciso mirar em um objetivo e focar nele. Com isso, a mensuração de resultados também é mais fácil.


4. Aproveite seu tráfego

Se você já possui tráfego em seu site ou blog, a mídia paga é interessante, pois permite fazer campanhas direcionadas para esse público que já entrou em sua página.


Já o blog você pode aproveitar promovendo ofertas relacionadas aos assuntos dos posts, oferecendo materiais ricos, por exemplo.


5. Segmente bem o seu público

Mais importante do que saber quem deseja impactar, é saber quem você não quer que receba as suas campanhas. Dessa forma, você diminui ao máximo o seu desperdício de investimento em mídia paga.










Fonte: Resultados Digitais

Posts Em Destaque