Conteúdo de qualidade: o que é isso para o Google



Falar que conteúdo de qualidade é uma tendência é chover no molhado.


Qualidade do conteúdo é o principal fator de rankeamento — ao lado dos backlinks —, mas isso já não é novidade há pelo menos 3 anos.


O principal é entender quais os fatores vão mostrar ao Google que o seu conteúdo é ou não de qualidade!


Alguns deles já são bem conhecidos, mas outros ainda são pouco explorados. vamos entender cada um dos sinais de qualidade que o Google leva em conta para rankear um conteúdo.


Backlinks


Por que os backlinks continuam sendo o principal fator ano após ano? É simples. Porque os links funcionam como uma referência.


Se alguém faz um link para o seu site é porque ela considera o seu conteúdo bom.

E quanto mais links de sites relevantes você recebe, melhor o Google vai interpretar que o seu conteúdo é.


Afinal, quando você vai contratar alguém, comprar um presente para o/a namorada/o ou escolher um restaurante para ir, você sempre pede indicação de pessoas que conhece e confia, não é verdade?


Ou seja, até os o número de backlinks é focado na experiência do usuário!


Conteúdo único


O que você pensa quando escuta o termo “conteúdo único”?


Quando usamos essa expressão não estamos falando apenas de conteúdos que não são iguais a outros e que não são duplicados. Não estamos falando de dizer as mesmas coisas, mas com palavras diferentes.


Quando pensamos em conteúdo único, pensamos no seu valor!


O conteúdo que oferece algo para o leitor que ele não vai encontrar em nenhum outro lugar.

E como fazer um conteúdo único?


Otimize acessibilidade e design


Faça que as pessoas acessem os seus posts e pensem “wow! Já vi conteúdos sobre esse tema, mas nunca apresentados dessa forma”.


Ofereça algo único e que fuja do lugar comum. Tudo o que possa otimizar a experiência do leitor e facilitar a navegação e o consumo do seu conteúdo.


Informações que não serão encontradas em nenhum outro lugar


Escrever um post sobre qualquer tema é fácil. Difícil é apresentar informações que o seu leitor não vai encontrar em nenhum outro lugar.


Você precisa oferecer valor com um conteúdo diferente e fazer o seu leitor dizer “uau, eu nunca li nada sobre isso em nenhum outro site”.


Esse tipo de informação mostra ao Google que você merece alcançar lugares mais altos.

Entretanto, ela vai depender da sua capacidade de fazer pesquisas, aprender, testar e traduzir

isso em informação relevante para a sua audiência.


Campo semântico (LSI)


A maneira que o Google interpreta conteúdo está cada vez mais evoluída. O campo semântico é uma das principais formas do buscador interpretar a qualidade de um contéudo.


Posts Em Destaque